Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Escola pública não é de graça
 


SOM NA CAIXA!

 

"Mamãe, aprendi a dançar frevo!", Arthur nem esperou que eu chegasse em casa para contar. Me ligou super empolgado.

"Como assim, você teve aula de frevo?", perguntei.

"Melhor que aula. No intervalo, colocaram música e fizemos uma roda. Todo mundo dançou. E meus amigos me ensinaram um monte de passos de street dance. Depois, tocaram frevo e começamos a 'frevar'", falava eufórico.

Antes de dormir, meu filho disse que não via a hora de ir pra escola no dia seguinte, para dançar com os amigos de novo e aprender novos passos.

Incrível, não? Apenas UMA MÚSICA NO INTERVALO: une, socializa, inspira o intercâmbio cultural, empolga, faz as crianças queimar energia (aquela que ficaria sobrando e se traduziria como agitação e indisciplina em sala de aula) e ainda cria uma ligação do aluno com o espaço da escola.

Uma ideia criativa, inteligente e barata, que não depende de recursos ou investimentos extras. O investimento é a boa vontade dos educadores.

E já está mais que provado (e falado, mas não custa repetir): crianças felizes aprendem mais.

Sem contar o trunfo da professora, que ganha o respeito dos alunos pela via da afetividade e admiração, e não pelo castigo e repressão.

Escola não é lugar de sofrer. É lugar de descobrir o mundo. Aquele cheio de curiosidades e que vale a pena conhecer.

 



Escrito por vanessa.cabral às 18h30
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]